Deuteronômio 1.19-40

Deus deu aos crentes personalidade, habilidades e dons espirituais para equipá-los a cumprirem Seus planos específicos para as suas vidas. Porém cada um precisa escolher a andar pela fé e obediência. Às vezes o Senhor nos desafia a fazer algo que parece estar além de nossa capacidade, mas se desistirmos, perderemos as Suas bênçãos.

Vamos aprender com os filhos de Israel que fizeram várias escolhas que levaram-nos à incredulidade, resultando assim em uma vida inteira de perambular sem rumo. Eles…

Ouviram as vozes erradas: Para caminhar em obediência com o Senhor, temos de nos precaver de sermos influenciados por aqueles que não compreendem a grandiosidade do nosso Deus. Não só isso, também devemos aprender a reconhecer as mentiras de Satanás. Ele quer que nos tornemos ineficientes, realizando pouco ou quase nada para o reino de Deus.

Andaram pelo ponto de vista humano: Por vezes a confiança em Deus entra em conflito com a razão humana. Porém aqueles que optam por confiar nEle, mesmo quando as evidências externas apontam para uma impossibilidade, encontrará que Ele é maior do que qualquer obstáculo.

deixaram os sentimentos vencerem a fé: Talvez o maior obstáculo à obediência seja o medo inadequado. Um foco interno é um assassino de confiança. A maneira de vencer os nossos sentimentos é depender do Senhor e Suas promessas. Ele irá equipar-nos para tudo o que Ele nos chama a fazer.

Toda chamada desafiadora à obediência é uma bifurcação na estrada de nossas vidas. Seguir o caminho da incredulidade conduzirá a uma vida inteira de arrependimento e perambular sem rumo, mas seguir o caminho de confiar em Deus corajosamente e fazer o que Ele diz, resultará nas maiores bênçãos de sua vida. A escolha é sua.